Quem você é?

Pergunta fácil?? Não para maioria das minhas clientes. Quando questiono sobre quem elas são em uma frase, é o momento de tensão, reflexão que leva todo o processo de consultoria a um caminho enriquecedor de autoestima, segurança e confiança.

Habitualmente estamos em modo piloto automático executando as tarefas do dia. Passa a semana, o mês, o ano e nós estamos lá exaustas sem ter chegado a lugar algum. A questão é foco, foco em si mesma, nos desejos reais, nas expectativas com si mesma. O que você quer?

Se a resposta é ganhar mais dinheiro sinto em lhe fazer outra pergunta: Para quê?? Qual objetivo deste dinheiro a mais? A cada dia mais vinculamos tudo ao dinheiro e descaracterizamos a realidade que está ao nosso alcance para uma outra distante, em nossas idealizações.

Fica para amanhã, para aquele dia em que o dinheiro a mais chegar, ser feliz, se cuidar, viver! E até lá você vai executando funções como uma máquina que até para se vestir toda manhã repete o mesmo processo, vestindo-se sempre igual com medo do novo.

A segurança do uniforme de trabalhar, a calça “social”, o blazer, a camisa, sempre na mesma produção. Um armário cheio de peças que não comunicam muito sobre você, mas se nem você sabe direito quem é, como poderia comprar peças que transmitam sua essência?

Looks criativos com toque de cor proposital para aquela reunião, uma bolsa poderosa para uma entrevista dos sonhos, um anel statement para aquele happy hour com as amigas, o conforto de se sentir bem na própria pele.

Situações que elevam nossa autoestima, que nos colocam em destaque de maneira sutil e ímpar, que revelam o quão autoconfiante, interessante e necessária para aquele projeto novo do trabalho ou de vida você é.

Aquela que está sempre ótima, sem exageros, sem fantasias, sem gastar muito, é sempre referência para as demais e questionada para dar sua opinião em diversos assuntos, esta sou eu. E você, quem é?00